Home Cultura Quaresmeiras floridas enfeitam paisagem da Região dos Imigrantes

As flores roxas, rosas e amarelas podem ser vistas em cidades como Santa Leopoldina, Santa Maria, Itarana, Santa Teresa e São Roque do Canaã

As ruas da Região Serrana do Espírito Santo estão cheias de árvores carregadas por uma flor roxinha, de tonalidade vibrante. São as quaresmeiras, que como o próprio nome já diz, florescem nessa época do ano, que é a quaresma – período entre o Carnaval e a Páscoa.

Típicas da Mata Atlântica, se adaptam tanto ao calor quanto ao clima mais fresquinho, e uma coisa é certa, sozinhas ou em grupos, elas se destacam entre as áreas verdes com suas tonalidades vivas, e são responsáveis por um belo visual.
“Elas já desabrocharam e podem ser vistas em Santa Leopoldina, Santa Maria de Jetibá, Itarana, Santa Teresa e São Roque do Canaã, por exemplo, tanto nas margens das estradas e rodovias quanto nas cidades. Em algumas árvores, a quantidade de flores é tão grande que pode tomar toda a copa arredondada, que muitas vezes chega a quatro metros de diâmetro”, disse a bióloga Fernanda Lírio.

No Estado, além do roxo, o amarelo e o rosa fazem parte da diversidade de cores em que as flores aparecem. “As quaresmeiras crescem rapidamente, possuem um porte médio e raízes profundas. Elas ocorrem, principalmente, em formações secundárias, como capoeiras e capoeirões. E são raras no interior das matas densas, por serem plantas pioneiras (as primeiras que se formam). São encontradas no Espírito Santo, na Bahia, em Minas Gerais, no Rio de Janeiro e em São Paulo, nas florestas pluviais da encosta atlântica”, explicou o engenheiro agrônomo Gerson Tavares da Motta.

Para a pedagoga Marisange Blank Zamprogno, poder apreciar uma paisagem com as quaresmeiras floridas é como ganhar um presente. “Em meio a todo o caos urbano e social em que vivemos, poder apreciar essa paisagem nos traz a sensação de que fomos presenteados pela natureza. Um misto de sentimentos de gratidão e tranquilidade. É bem como nos diz o filósofo Kant: o belo encanta, o sublime comove”.

Maria Helena Salviato Biasutti Pignaton também compartilha essa opinião: “gosto de subir a serra até a Terra dos Colibris. O verde das folhas mistura-se ao amarelo dos ipês e ao roxo das quaresmeiras e transmitem felicidade”.

Campanha
Entrando antecipadamente no clima da primavera, o Santa Notícia não poderia deixar de destacar o show das quaresmeiras. Para isso, o jornal realizou uma campanha, no Facebook, pedindo para que os leitores enviassem fotos da paisagem do Espírito Santo colorida pela floração dessas árvores.
O resultado não poderia ser outro: uma seleção de belas imagens que enfeitam esta edição.
Se você ainda não conferiu de perto, vale a pena visitar as montanhas capixabas nesta época do ano e curtir bastante esse espetáculo de cores.

Raio X
» Nome popular: Quaresmeira
» Gênero: Tibouchina
» Família: Melastomataceae
» Características: porte médio e raízes profundas
» Cores: roxo, amarelo e rosa

Matéria publicada na edição 11, mês abril, página 8 e 9 do Jornal Santa Notícia.
Fundador e desenvolvedor do projeto Santa Notícia, empresário, designer gráfico e publicitário.

=)